Criticado Vítor Pereira recebe 4 ME se for despedido; Leicester segura titular; Kurban Berdyev deixa Rostov; Celtic garante ex-Man City

"Não me demito". Os adeptos não o querem, a direcção também pretende prescindir dos seus serviços, mas Vítor Pereira já disse que não irá renunciar ao cargo de treinador do Fenerbahçe. Em causa está um jogo negocial, já que caso seja despedido terá direito a receber uma indemnização de 4 ME, algo que o clube turco não pretende.  Depois de na época passada ter ficado em segundo lugar na liga turca, atrás do Besiktas, ter perdido a final da taça frente ao Galatasaray e ter sido eliminado nos oitavos-de-final da Liga Europa pelo Braga, começou esta temporada a ser eliminado pelo Mónaco na Champions, o que ainda agravou mais o mau ambiente em torno de si, mas por enquanto, a menos que o Fenerbahçe se decida a pagar os 4 ME, vai continuar a orientar a equipa turca.

Junta-se a Patrick Roberts, Moussa Dembele e Kolo Toure nas caras novas do campeão escocês - O Celtic de Glasgow anunciou a contratação de Scott Sinclair, extremo que chega do Aston Villa a troco de 5 milhões de euros. Sinclair, de 27 anos, brilhou no Swansea mas perdeu algum protagonismo com a passagem pelo Manchester City.

Esta época vai ter a concorrência de Zieler - Kasper Schmeichel renovou o contrato que o liga ao Leicester até 2020. O guarda-redes, de 29 anos, foi uma das figuras da equipa que chegou ao título na época passada, tendo mantido a baliza em branco em 15 jogos. Recorde-se que o filho de Peter Schmeichel, antigo guarda-redes do Sporting e Manchester United, nas últimas semanas foi associado ao Everton.

É o principal favorito a assumir a selecção da Rússia - Kurban Berdyev deixou o comando técnico do Rostov. O treinador, de 63 anos, foi uma das sensações de 2015-16, ao estar muito perto de levar o clube à conquista do título e já nesta temporada eliminou o Anderlecht na 3.ª pré-eliminatória da Champions.

Etiquetas: