Jardim elimina Vítor Pereira da Champions; Olympiacos também ficou pelo caminho

Vítor Pereira falha o acesso à Champions pelo 2.º ano consecutivo (veremos se sobrevive); Falcao voltou a marcar pelo Mónaco (Bernardo Silva e Ivan foram suplentes); Olympiacos proporcionou a maior surpresa; Anderlecht também ficou pelo caminho.

Na 2.ª mão da 3.ª pré-eliminatória da Liga dos Campeões, o Mónaco de Leonardo Jardim bateu o Fenerbahçe por 3-1 e alcançou o playoff de acesso à fase de grupos da competição, dando a volta à desvantagem de 2-1 trazida de Istambul. Os monegascos entraram muito bem na partida, e logo aos 3' Germain, assistido por Falcao, abriu o marcador, pouco antes de ser o próprio colombiano (que já tinha marcado há uma semana) a fazer o 2-0, de grande penalidade. O Fener reagiu e teve algumas oportunidades no fim da 1.ª parte, tendo conseguido reduzir na 2.ª parte (depois de já ter enviado uma bola à barra), com Emenike a fazer o 2-1. Até que aos 65' Germain marcou o tento que carimbou a passagem dos franceses à próxima fase . Já o Olympiacos não cumpriu a tradição de estar na fase de grupos da CL, tendo sido eliminado pelos israelitas do Beer Sheva. Depois de um nulo na Grécia, a formação de Israel venceu em casa por 1-0. Outra surpresa foi a queda do Anderlecht aos pés do Rostov, com os russos a vencerem na Bélgica por 2-0 após um empate a 2 na 1.ª mão. Dois campeões europeus, o Celtic e o Ajax, tiveram de sofrer mas conseguiram garantir o apuramento: os escoceses , após um empate a 1 há uma semana, bateram o Astana por 2-1 (Dembele garantiu o apuramento já nos descontos); ao passo que os holandeses, que também empataram a 1 golo na 1.ª mão, tiveram de dar a volta frente ao PAOK, na Grécia, mas conseguiram vencer por 2-1 (Klaassen deu a vitória e o apuramento aos 88'). Noutros jogos, o Copenhaga bateu o Astra por 3-0 e segue em frente, tal como o RB Salzburgo e o Steaua Bucareste, que venceram, ambos por 2-0, o Partizani e o Sparta Praga, respectivamente. Já o Legia Varsóvia empatou a zero com o Trencin e passa para o playoff graças ao triunfo por 1-0 na 1.ª mão.

Etiquetas: