Mahrez recusa renovar pelo Leicester; Marc Marquez aumenta vantagem; Pantano vence no Tour

Está a ser apontado ao Chelsea, Arsenal, Real Madrid e Barcelona.

Depois de N'Golo Kanté, que saiu para o Chelsea, o Leicester pode ficar sem outro elemento chave da última época... Riyad Mahrez. O médio ofensivo/extremo argelino recusou uma proposta de renovação do campeão inglês, na ordem dos 6 milhões de euros por ano, e a imprensa britânica dá conta que terá pedido para sair nesta janela de mercado. Mahrez, que foi eleito o MVP da Premier League, na última temporada apontou 18 golos e fez 10 assistências.

A decisão de colocar pneus "slick" quando a maioria dos pilotos rodava com pneus de chuva foi determinante para a vitória do catalão - Marc Marquez venceu o Grande Prémio da Alemanha em Moto GP, um triunfo que o coloca com 48 pontos de vantagem para Lorenzo e 59 para Rossi na classificação do mundial. No entanto, a corrida não foi fácil para Marquez, já que apesar de ter arrancado na pole position rapidamente foi perdendo posições, no entanto, numa decisão tremendamente bem sucedida, à falta de 13 voltas apostou por pneus "slick", permitiu-lhe galgar posições até cortar a meta como vencedor. Os seus principais rivais na luta pelo título ficaram bem mais atrás, já que Rossi foi 8.º e Lorenzo 15.º. Em Moto 2 Miguel Oliveira caiu e teve de desistir.

A IAM, que vai terminar no final da época, soma apenas a 2.ª vitória numa Grande Volta; Rafał Majka está com tudo para arrecadar mais uma camisola às bolinhas (hoje deixou toda a concorrência a uma boa distância), depois de ter sido o rei da montanha em 2014; Aru, Bardet e Valverde ainda tentaram mexer com a corrida mas foram rapidamente engolidos pela Sky - Jarlinson Pantano venceu a 15.ª etapa do Tour, ao bater ao sprint Rafal Majka na chegada a Culoz. Numa etapa com muita montanha, o colombiano da IAM conseguiu juntar-se a Majka na última descida, depois do polaco ter desmontado a fuga do dia que teve 30 elementos, incluindo Nélson Oliveira, e no sprint demonstrou mais força que o seu rival, que (apesar de ter morrido na praia depois de ter passado em 1.º na última subida) mesmo assim conseguiu meio objectivo ao somar muitos pontos na luta pela montanha. Na geral, Froome teve um dia tranquilo (Quintana e Mollema nem se mexeram), já Van Garderen (um dos derrotados do dia) caiu para o 8.º lugar.

Etiquetas: ,