OFICIAL: Pedro Martins deixa o Rio Ave

Quem deve suceder ao ex-Marítimo? O clube passou de ser um "elevador", entre a I e II liga, para não só estabilizar-se no principal escalão (vai para a nona época na elite, algo inédito) como integrar o grupo de emblemas que luta constantemente pela Europa, sendo por isso um banco "apetecível". Quanto a Pedro Martins, tem tido sempre resultados (conseguiu o único apuramento para uma fase de grupos de uma competição europeia na história do Marítimo, clube onde teve o mérito de potenciar vários activos, e no Rio Ave depois de na época passada ter ficado a 5 pontos da UEFA conseguiu este ano chegar à Liga Europa), sendo que para além deste plano meramente desportivo tem conseguido estar algum tempo nos cargos que ocupa (quase 4 épocas no Marítimo e 2 no Rio Ave), o que no futebol português é de valorizar. Falou-se que poderia rumar a Braga, mas já que o presidente afirmou que vai para o estrangeiro veremos para que tipo de liga vai (se para uma como a La Liga, se para uma Turquia ou Rússia, ou para o Médio Oriente). 

Pedro Martins não vai ser o treinador do Rio Ave em 2016-17, anunciou hoje o clube vilacondense. O técnico, de 45 anos, deixa o clube depois de duas épocas positivas, principalmente a que agora terminou, com a qualificação para a Liga Europa. "Tive a consciência de que se fossemos apurados para a Liga Europa muito dificilmente ele continuaria no Rio Ave. Conversámos como dois amigos e chegámos a acordo. Foi um dos nossos trunfos neste grupo muito forte. Terminou o clico com o Pedro. Foi assim com outros, com o Nuno Espírito Santo que foi para o Valência. O Pedro Martins foi cobiçado por outros clubes e vai para o estrangeiro, mas não sei qual é o clube. Espero que seja um grande clube, porque merece. A vida é mesmo assim. Temos agora de criar soluções. Vamos encarar futuro desta maneira," disse o presidente do Rio Ave.

Etiquetas: