FC Porto B afunda Benfica (Podstawski e João Graça destacaram-se); Feirense dá a volta nos descontos; Besiktas pretende "pescar" no Dortmund

Benfica B está em 19.º com 52 pontos, os mesmos do 20.º Leixões (mas os encarnados tem desvantagem no confronto directo, algo que só é actualizado na última jornada), Farense e Atlético tem 51, Mafra e Ac. Viseu 53, sendo que destas 6 equipas, 3 vão acompanhar o Oriental e Oliveirense.

Na 45.ª e penúltima jornada da segunda liga, o FC Porto B, no jogo de consagração, venceu a aflita equipa B do Benfica por 3-1, complicando ainda mais a missão dos encarnados. Numa partida em que as águias entraram sem referência na frente e com uma disposição táctica algo confusa, a equipa de Luís Castro fez sempre por merecer o resultado, beneficiando também da ineficácia e instabilidade emocional do Benfica, sobretudo evidente em Hildeberto (falhou uma grande penalidade, para além de alguns lances de golo) e Pawel (várias provocações para os adeptos). Os golos viriam a surgir de forma natural, primeiro por Verdasca após pontapé de canto e a seguir por Graça, já depois do Benfica ter falhado uma grande penalidade. Os visitantes ainda reduziram para 2-1 após golo de Dawidowicz, mas no reatar do 2.º tempo o auto-golo de Rúben Dias, a somar à expulsão do internacional Polaco, não permitiram aos comandados de Hélder Cristóvão chegar a outro resultado. A nível individual, destaque para o grande jogo de Tomás (conseguiu afirmar-se na equipa com o decorrer da temporada, ainda que com a concorrência de Govea) e Graça (um golo e vários desequilíbrios pelo corredor central). No Benfica, muita apatia, pouca organização e uma instabilidade que não ajuda as individualidades a mostrar o seu melhor nível, sendo que Hildeberto (apesar do descalabro em frente à baliza foi dos mais inconformados) e João Carvalho foram dos poucos com nota positiva. Nos outros jogos, o Leixões perdeu em casa por duas bolas a zero contra o Olhanense. Já o Mafra e o Ac. Viseu empataram a uma bola e ainda não podem respirar de alívio, tal como o Atlético que ainda sofre, depois do empate em Famalicão a duas bolas. Já o Vitória B garantiu a manutenção ao bater, em Alcochete, o Sporting B, por 4-2.

A equipa de Santa Maria da Feira, que na última jornada vai a Chaves, ficou a depender de si  para regressar à I Liga - Na luta pela subida ao campeonato principal, o Feirense deu um passo de gigante ao derrotar o Gil Vicente, por 3-2. O conjunto de José Mota chegou ao minuto 90 a perder por 2-1, mas conseguiu dar a volta nos descontos, com golos no minuto 91 e 97, numa partida em que o Gil ficou reduzido a 8 elementos. O Feirense tem agora os mesmos 77 pontos do Portimonense, mas vantagem no confronto directo.

O internacional sérvio, que em 2013 era considerado um dos melhores centrais do Mundo, tem vindo a perder protagonismo - De acordo com a Kicker, o Besiktas está muito interessado na contratação de Neven Subotic. O central, que esta época só participou em 11 jogos, está no mercado e dificilmente irá integrar o plantel do Dortmund na próxima época.

Etiquetas: , ,