Defesa do City falha Euro'2016; Mónaco humilhado diz adeus ao 2.º lugar

Esta época foi forçado a parar durante 5 vezes, tendo só participado em 22 jogos em 57 possíveis. Cenário que até o pode afastar do plantel de Guardiola na próxima época (ninguém quer um jogador que é uma incógnita em termos físicos); Quanto aos Diabos Vermelhos, que podem ser os rivais de Portugal logo nos oitavos-de-final, há Lombaerts, Vermaelen, Alderweireld e Vertonghen, mas tendo em conta que os defesas do Tottenham muitas vezes são laterais e que o central do Barça não joga há 2 meses, Wilmots terá aqui uma grande dor de cabeça.

Vincent Kompany, central do Manchester City,  revelou que não estará presente no Euro'2016. «Vou falhar o Euro-2016. É uma notícia muito triste para mim, mas não vou desistir. Confio nos meus amigos e companheiros de equipa para estarem bem e fazerem -nos sentir orgulhosos no próximo Campeonato Europeu, em França. Sou agora oficialmente o maior e mais fervoroso apoiante e vou estar lá para apoiá-los. Escrito da minha cama de hospital», escreveu o capitão da Bélgica, que saiu lesionado no jogo contra Real Madrid, a meio da semana.

Época desastrosa do conjunto de Jardim. Eliminado no playoff da Champions, caiu na fase de grupo da Liga Europa, nas Taças não passou dos oitavos-de-final e agora, depois de ter tido uma vantagem muito confortável, nem o 2.º lugar (que dá acesso directo à prova milionária) garantiu - Era o jogo que decidia o 2.º lugar do campeonato e não podia ter sido mais conclusivo. O Lyon humilhou o Mónaco no Parc OL por 6-1 e garantiu o apuramento directo para a Liga dos Campeões. Ghezzal abriu o ativo, Lacazette fez um hat-trick e o central Yanga-Mbiwa bisou. Do lado do Mónaco (que viu Dirar acertar nos ferros), Ricardo Carvalho foi o autor do golo (Anthony Lopes sai com culpas no cartório), já Bernardo Silva foi anulado por Gonalons e Hélder Costa passou ao lado do encontro (Moutinho nem foi convocado). Nota ainda para Lacina Traoré, expulso em apenas 2 minutos (levou amarelos aos 21’ e 23’). Nos outros jogos, o já campeão PSG venceu por 4-0 na casa do GFC Ajaccio, com hat-trick de Cavani e mais um golo de Ibrahimovic; o Nice, com bis de Germain, venceu o Saint-Etienne (reduzido a 9), adversário direto na luta pela Europa, por 2-0 e subiu ao 4.º lugar (estão apenas a 2 pontos do Mónaco); o Marselha voltou finalmente a vencer em casa (1-0 ao Reims… golo do inevitável Batshuayi); o Montpellier derrotou o Rennes com dois golos sem resposta; o Lille de Éder (jogou os 90 minutos) e Rony Lopes (dos mais inconformados) empatou a 0 com o Guingamp; o Lorient de Raphaël Guerreiro (entrou antes do intervalo) foi goleado em Bordéus (3-0); o Caen venceu em Nantes por 2-1 e os duelos Bastia-Angers e Toulouse-Troyes acabaram com vitórias por 1-0 para a equipa da casa.

Etiquetas: , ,