«Comunicação do Sporting ajudou o Benfica a chegar ao título»; Weigl, Kimmich, Sané, Mario Gomez e Brandt na convocatória da Alemanha

Ainda vão ter de sair 4 jogadores (Schweinsteiger, caso não recupere, será um deles), mas já é certo que Volland, Tah, Trapp, Dahoud, Ginter, Kramer, Castro, Bender e Schmelzer vão ficar a ver a competição pela TV.

Muita juventude na pré-convocatória de Joachim Löw para o Euro'2016. O seleccionador alemão chamou jovens como Rudiger, Sané, Brandt, Weigl e Kimmich, numa lista em que o principal destaque é o regresso de Mário Gomez a uma fase final, ele que falhou o Mundial'2014 por não se enquadrar no estilo de jogo da Mannschaft. Lista de 27 convocados da Alemanha: Guarda-redes: Manuel Neuer (Bayern), Bernd Leno (Bayer Leverkusen), Marc-André ter Stegen (FC Barcelona); Defesas: Emre Can (FC Liverpool), Jonas Hector (1. FC Köln), Mats Hummels (Borussia Dortmund), Shkodran Mustafi (FC Valencia), Antonio Rüdiger (AS Roma), Sebastian Rudy (1899 Hoffenheim), Jérôme Boateng (Bayern), Benedikt Höwedes (Schalke 04); Médios e avançados: Karim Bellarabi (Bayer Leverkusen), Julian Brandt (Bayer Leverkusen), Julian Draxler (VfL Wolfsburg), Mario Götze (Bayern), Mario Gomez (Besiktas) Sami Khedira (Juventus), Joshua Kimmich (Bayern), Toni Kroos (Real Madrid), Thomas Müller (Bayern), Mesut Özil (FC Arsenal), Lukas Podolski (Galatasaray), Marco Reus (Borussia Dortmund), Leroy Sané (Schalke 04), André Schürrle (VfL Wolfsburg), Bastian Schweinsteiger (Manchester United) e Julian Weigl (Borussia Dortmund).

Concorda? Parece claro que o discurso, muitas vezes insultos, de Bruno de Carvalho, funcionaram como combustível para as águias, tendo a estrutura das águias canalizado bem isso para criar uma "raiva positiva" - Vítor Oliveira, o "mestre das subidas", que fez regressar o Chaves à I Liga, considera que o Benfica foi um campeão justo e até reforça que as "bocas" do Sporting fortaleceram a relação entre o técnico e os jogadores encarnados. "Os campeões são sempre justos. Ao fim de um campeonato com 34 jornadas, ou 46, como a Liga de Honra, é evidente que o que chegar com mais pontos é sempre o vencedor justo. Pode colocar-se a pergunta se foi a melhor equipa ou a equipa que praticou o melhor futebol. Teve fases. O Benfica teve uma fase em que era realmente a melhor equipa, o Sporting penso que foi o que ocupou a maior fase do campeonato a jogar bem, tivemos também o Sporting de Braga que fez belíssimas exibições, com grandes jogos. Acredito que esta vitória do Benfica deve-se, muito especialmente, a todo o comportamento fora das quatro linhas de agentes do Sporting que conseguiram fazer no Benfica um grupo absolutamente fantástico", começou por dizer. Acrescentando: "Os jogadores sentiram o seu treinador ofendido. Fizeram um grupo extremamente coeso à volta do seu treinador. Sentimos muitas vezes que o Benfica ganhou os jogos na raça, na determinação, a querer fazer a vontade ao treinador. Penso que o Sporting cometeu alguns erros de comunicação que ajudaram o Benfica a sair extremamente forte e a sair campeão com toda a legitimidade".

Etiquetas: