Os 6 jogadores que Jesus pediu a Bruno de Carvalho para ficar no Sporting

Jorge Jesus e Bruno de Carvalho estão muito longe de estar em sintonia e a relação, que nunca foi de grande proximidade, tem se desgastado com o decorrer da época. O técnico não ficou satisfeito com a maneira como o líder leonino lidou com o caso Carrillo, que levou ao afastamento de um elemento chave para alcançar os objectivos para esta temporada, e tem manifestado igualmente algum desagrado pela maneira como a direcção do Sporting tem sido ultrapassada na abordagem ao mercado, como aconteceu nos negócios Mitroglou, Danilo, Cervi ou Marega. Neste sentido, JJ já manifestou junto de Bruno de Carvalho que só continua em Alvalade em 2016-17 caso veja satisfeitas algumas exigências, que vão desde à aquisição de mais um responsável para o futebol da sua confiança, à alteração de algumas condições na Academia e principalmente ao reforço da equipa principal.

O treinador do Sporting não quer voltar a passar pelos sobressaltos desta época, muito menos que a rotatividade tenha um impacto significativo na qualidade da equipa, e, mesmo estando ciente que o clube vai vender William e Slimani, para responder às dificuldades financeiras que atravessa (sendo que Patrício também poderá ser transferido), pediu a Bruno de Carvalho a contratação de pelo 6 jogadores. A saber:
Diego Lopez (Milan): Guarda-redes que considera ser o melhor espanhol da actualidade depois de David de Gea, e que poderá sair de Itália a baixo custo devido à condição de suplente;
Danilo (Braga/Valencia): Visto como o substituto ideal para William, e cujo passe pertence a Jorge Mendes, que também vê interesse em que o médio brasileiro ganhe outra dimensão futebolística;
Luiz Carlos (Braga): Brasileiro que está em final de contrato e que pode ser a alternativa a Adrien que falta no elenco leonino, por estar habituado a jogar nessa função no 4-4-2 de Fonseca e por Aquilani não oferecer o que JJ exige ao nível da recuperação de bola;
Giovani Lo Celso (Rosario Central): Para o técnico leonino as dificuldades que a equipa sentiu em jogos contra equipas da parte baixa da tabela, sobretudo em casa, devem-se à falta de criativos no plantel, elementos com capacidade de criar desequilíbrios. Ora, o jovem argentino de 19 anos, que até tem tido mais protagonismo no seu clube que Cervi, é visto como o elemento ideal para colmatar essas lacunas, acrescentando último passe, drible e capacidade de jogar em espaços curtos aos Leões.
Jefferson Montero (Swansea): Elemento que à semelhança de Coates há muito está na lista de JJ e que, devido a estar a ser pouco utilizado (apenas 1 jogo em 2016), poderá chegar a Alvalade em condições favoráveis. Jesus acredita que o extremo tem a técnica e velocidade que falta à equipa desde o afastamento de Carrillo;
Youssef El-Arabi (Granada) - Há Barcos e Spalvis mas com a possível saída de Slimani o treinador leonino quer mais uma alternativa para o ataque e viu em El-Arabi o avançado ideal para completar o plantel. O marroquino tem a potência e técnica que Teo não exibiu e é compatível com as actuais opções para sector ofensivo.

Etiquetas: