Mónaco derrota PSG; Josué em destaque no Braga; Mattheus afunda Académica; Soares também marcou 2 ao Vitória; Belenenses desperdiça vantagem; Moreirense empata na Capital do Móvel; Lorenzo entra a ganhar no Mundial de MotoGP, Miguel Oliveira estreia-se com 11.º lugar no Moto2

Mesmo frente a um PSG já desconectado no campeonato, ir ganhar ao Parque dos Príncipes é, neste momento, um feito digno de registo. Ainda por cima reforça a posição dos monegascos como 2.º clube em França, numa fase em que Jardim pede mais visibilidade e em que vê o Lyon a aproximar-se dos lugares da frente.

O Mónaco foi a Paris vencer o PSG por 2-0, num resultado que permite ao conjunto de Leonardo Jardim manter os 5 pontos de vantagem sobre o terceiro classificado, o Nice. Com Ricardo Carvalho a titular e Hélder Costa a entrar aos 81', os golos chegaram todos no segundo tempo, primeiro por Love, aos 65', e depois por Fabinho, aos 68, de grande penalidade, naquela que foi a 1.ª derrota em casa do PSG, para o campeonato, desde Maio de 2014. Nos restantes jogos do dia, o Nice, com Ricardo a titular, venceu o Ajaccio por 3-0 (marcaram Ben Arfa, Plea e o ex-Paços Seri) e o Bordéus e o Bastia empataram a 1.

Gverreiros consolidam 4.º lugar; Académica continua em penúltimo com 23 pontos, menos 1 que o Boavista, 2 que o União e já 5 em relação a Moreirense e Vit. Setúbal - Na 27.ª jornada da I Liga, o Sp. Braga, que durante a semana carimbou a passagem aos quartos da Liga Europa, cumpriu e derrotou o União da Madeira por 2-0. O conjunto de Paulo Fonseca esteve sempre por cima e, sem surpresa, triunfou graças aos golos de Josué (excelente execução num livre directo frontal) e de Stojiljković, num belo trabalho do sérvio após assistência do próprio Josué. Em relação aos restantes encontros, a Académica, depois de quatro pontos conquistados nos últimos dois jogos, foi massacrada em casa pelo Estoril por esclarecedores 3-0, tendo Mattheus (dois golos) e Bonatini (duas assistências) voltado a estar em destaque (Gerso apontou o outro tento dos visitantes); o V. Guimarães, que até esteve em vantagem por duas ocasiões na Choupana, foi derrotado por 3-2 e atrasou-se na luta pela Europa, tendo Soares feito dois golos (Rui Correia também marcou no 1.º tempo), de nada valendo os tentos de Licá e Henrique Dourado, de grande penalidade; e, por fim, o Belenenses, que esteve a vencer por 2-0 em Tondela (golos de Gonçalo Silva e Carlos Martins) permitiu o empate já nos descontos (marcaram Nathan e Pica, este aos 90+3), enquanto que Paços de Ferreira e Moreirense não foram além do nulo na Mata Real.

Miguel Oliveira estreou-se na categoria Moto2 com um 11.º lugar. Depois de partir da 22.ª posição da grelha, o vice-campeão do mundo de Moto3 recuperou 11 lugares, terminando a 24,410 segundos do vencedor, o suíço Thomas Luthi (Kalex), somando os primeiros cinco pontos no Mundial - Jorge Lorenzo começou a época em grande ao vencer o GP do Qatar, prova de abertura do Campeonato do Mundo de motociclismo de velocidade. O campeão do Mundo, que procura o tetra, à frente do italiano Andrea Dovizioso (Ducati) e do espanhol Marc Marquez (Honda). Já Valentino Rossi (Yamaha), que venceu a etapa do Qatar do Mundial de motociclismo no ano passado, terminou na quarta posição, um dia depois de assinado contrato para representar a marca japonesa até 2018.

Etiquetas: , ,