Kelechi Nwakali reforça Arsenal; Oss é o 1.º líder do Tirreno-Adriático

Foi o melhor jogador do último Mundial sub-17. Um médio ofensivo moderno, com qualidade no passe e nas bolas paradas, mas que não descura as tarefas defensivas.

Kelechi Nwakali, médio nigeriano que foi associado ao Chelsea, City, Bayern e até Sporting, anunciou que vai reforçar o Arsenal. "Assinei por 5 anos pelo Arsenal, disse o jovem de 17 anos ao "All Nigeria Soccer". Pela aquisição os Gunners devem gastar 2,5 milhões de euros, sendo que o médio só vai ingressar no clube inglês quando completar 18 anos.

Uran já está a mais de 2 minutos da frente; Lampre e Katusha também perderam muito tempo; FDJ surpreendeu - A BMC, actual campeã do Mundo, venceu o contrarrelógio por equipas que assinalou o arranque do Tirreno-Adriático, o que permitiu a Daniel Oss assumir a liderança na prova. A Etixx, de Martin e Gaviria, gastou mais 2 segundos, tendo a FDJ, de Pinot, completado o pódio com mais 9. A Tinkoff, de Sagan, ficou em 4.º, a Astana em 6.º, a 15 segundos, e a Movistar, de Valverde, em 10.º, já a 29 segundos. Pior fizeram a Katusha (mais 59 segundos), Lampre (mais 1:26) e Cannondale (mais 2:03). Em França, a etapa do Paris-Nice foi cancelada devido à neve.

Etiquetas: ,