«Júlio César foi encostado no Benfica»

Os encarnados devem renovar com o veterano ou apostar já, "a cem por cento", em Ederson? As boas exibições do jovem brasileiro podem ter provocado uma "boa dor de cabeça" ao campeão nacional.

Augusto Inácio, diretor de relações internacionais do Sporting, deixou ontem dúvidas sobre a existência da lesão do guarda-redes Júlio César, do Benfica, revelando que o brasileiro terá sido 'encostado' pela não assinatura da proposta de renovação de contrato. "O que sei, o que me disseram, é que antes do jogo ele tinha acordo para assinar... Mas queria que se pagasse uma parte nas suas empresas do Brasil e o Benfica não aceitou. E ficou encostado. Estou a dizer o que ouvi. Se estava tudo pronto, por que razão não assinou o contrato?", questionou o dirigente leonino em declarações prestadas no programa 'Play-off', da SIC Notícias.

Recordamos que o guardião ficou fora do dérbi devido a uma lesão e que nos últimos tempos publicou uma foto nas redes sociais onde mostrava estar em tratamento ao lado do compatriota Marçal, que estava emprestado ao Gaziantepspor. Também Nélson Oliveira deve se juntar aos 2 brasileiros no Seixal para recuperar de uma lesão.

Etiquetas: