«Ronaldo, Messi, Neymar e Suárez fazem tremer»; Curry marca 46 (e iguala Kobe nos triplos) no melhor jogo da época na NBA; Joe Johnson nos Heat

Melhor lançador na história da NBA?

Os campeões Warriors estiveram perto de cair mas de maneira quase milagrosa derrotaram os Thunder, no prolongamento por 121-118. Golden State esteve quase sempre em desvantagem, perdia mesmo por 4 a 13 segundos do fim, mas conseguiu empatar, e no OT, apesar de ter começado a perder, garantiu o triunfo com um triplo de Curry no meio da rua. Num jogo louco, o melhor desta época na NBA, o MVP, além de ter marcado 46 pontos, igualou o recorde de Kobe Bryant com 12 triplos convertidos (e apenas em 16 tentativas!) e bateu o seu próprio recorde de mais triplos numa época (e ainda faltam 24 jogos da fase regular!). Klay Thompson contribuiu com 32 pontos e Draymond Green, apesar de só ter marcado 2 pontos, amealhou 14 ressaltos, 14 assistências, 6 roubos de bola e 4 blocos! Do lado dos Thunder, Kevin Durant, que acabou expulso no OT depois de fazer 6 faltas (o que mudou completamente o jogo), terminou a partida com 37 pontos, 12 ressaltos e 5 assistências. Russell Westbrook fez 26 pontos, 13 assistências e 7 ressaltos, já Serge Ibaka terminou com 15 pontos e 20 ressaltos.

Uma escolha surpreendente, já que os Heat das equipas interessadas é a que tem menos possibilidades de chegar ao anel, mas por outro lado é onde pode ter mais minutos - O SG-SF Joe Johnson, que é o 2.º jogador com o maior salário na NBA, assinou por Miami. O veterano, de 34 anos, rescindiu há uns dias com os Nets.

Estão os 4 ao mesmo nível? - Jerome Boateng revelou que é muito complicado defrontar avançados com as características de Cristiano Ronaldo, Lionel Messi, Neymar ou Suárez, porque eles são devastadores nos duelos individuais e quando percebem que os defesas têm medo exploram essa situação. «Com Cristiano Ronaldo ou Lionel Messi, seja qual for a decisão que é escolhida é muito complicado quando eles têm espaço, porque eles são muito rápidos. Depois, Neymar e Messi são baixos e conseguem virar muito rapidamente, pelo que é difícil para defesas com eu, que sou alto. Cristiano Ronaldo é alto, mas tem uma velocidade e força impressionante. Não podemos estar distraídos ou eles vão marcar», afirmou o internacional alemão, em declarações ao The Players Tribune. O central do Bayern foi mais longe e afirmou que os craques pressentem as fragilidades dos adversários. «Ronaldo, Messi, Suárez e Neymar conseguem sentir se estás com medo deles. Se ele percebem eles destroem-te. É preciso estar preparado.»

Etiquetas: ,