«Brahimi? Não toleramos nem aceitamos comportamentos daqueles»; De Gea ia receber 12 ME no Real Madrid (mais 11 de prémio); Griffin suspenso por 4 jogos

Dificilmente o técnico portista vai abdicar do mago argelino nesta fase, aliás nem tem sido regra nos "grandes" abordar estas questões de indisciplina com um afastamento.

José Peseiro foi questionado, durante a antevisão do clássico com o Benfica, sobre Maicon e Brahimi, que proporcionaram momentos pouco felizes na derrota frente ao Arouca. Brahimi quando foi substituído chegou ao banco e atirou o casaco do fato de treino em sinal de protesto, mas o treinador do FC Porto apesar do "puxão de orelhas" diz que a questão está resolvida. «É um assunto tratado, dentro da linha de que não toleramos nem aceitamos comportamentos daqueles. Como referi em relação ao Maicon, essas questões são resolvidas dentro das regras de responsabilidade, solidariedade e exigência do grupo», garantiu técnico.

Passava a ser o 3.º mais bem pago dos merengues, apenas superado por Bale e Ronaldo - De Gea, do Man Utd, esteve a 1 minuto de assinar pelo Real Madrid no último Verão, numa transferência de 15 milhões de euros mais o passe de Navas. Sendo que de acordo com o "Football Leaks" o contrato entre o Real e o guarda-redes implicava uma compensação financeira anual bruta de quase 12 milhões de euros, mais precisamente: 11.818.182. Tendo o actual titular dos Red Devils ainda direito a um prémio de assinatura de 11 ME.

Trade surpresa na NBA? Era o Franchise Player dos Clippers mas devido a este episódio nos últimos dias tem sido associado a equipas como os Nuggets, Magic e 76ers - Os Los Angeles Clippers suspenderam Blake Griffin por quatro jogos, sem salário e mais uma multa de 860.000 dólares (cerca de 760.000 euros), por o extremo-poste ter agredido um roupeiro da equipa num restaurante em Toronto, depois de um encontro frente aos Raptors. Em virtude da agressão, o próprio Griffin, que tem estado lesionado, fraturou uma mão, o que o deve manter afastado da competição por mais três ou quatro semanas.

Etiquetas: , ,