Anderlecht confirma Djuricic; Gijón apresenta Lichnovsky; Chaby regressa ao Sporting; Alexis e Ramires também agitam o mercado; Raonic supera Wawrinka

Últimas do Mercado:
- O Anderlecht oficializou a chegada de Filip Djuricic, médio emprestado pelo Benfica até final da temporada. 
- Filipe Chaby está de regresso ao Sporting. Apesar de ter estado no banco na partida desta jornada, frente ao Marítimo, o médio, o União comunicou oficialmente que devolveu o jovem médio aos leões;
Lichnovsky foi apresentado hoje como novo jogador do Sporting de Gijón. O central chega à La Liga por empréstimo do FC Porto;
- O defesa Giulio Donati deixou o Leverkusen e assinou pelo Mainz até 2019;
- Alexis Ruano, defesa central do Getafe, foi adquirido pelo Besiktas a troco de 2 milhões de euros;
- O Chelsea está a negociar a transferência do ex-Benfica Ramires para os chineses do Jiangsu Suning;

Raonic a confirmar que é candidato (já tinha batido Federer em Brisbane); Eliminação de Stan acaba por ser uma boa noticia para Djokovic, já que o suíço tem sido dos poucos a quebrar o n.º 1 Mundial - Semi-surpresa nos oitavos de final do Australian Open. Milos Raonic derrotou Stanislas Wawrinka em 5 sets (6-4, 6-3, 5-7, 4,6 e 6-3) e marcou duelo com Gaël Monfils que ultrapassou Kuznetsov por 3-1 (7-5, 3-6, 6-3 e 7-6). O canadiano e o suíço ainda não tinham concedido qualquer jogo para os adversários e proporcionaram um duelo espetacular, onde o serviço de Raonic (como seria de esperar) fez a diferença, com 24 ases contra 9 de Stan. Nos outros jogos, Andy Murray venceu Bernard Tomic por 3-0 (6-4, 6-4 e 7-6), tal como Ferrer, que eliminou Isner com mais facilidade do que se previa, também em 3 sets (6-4, 6-4 e 7-5). O escocês e o espanhol vão enfrentar-se na próxima eliminatória. No lado feminino, Kerber sofreu no primeiro set frente a Beck, mas no segundo cilindrou (6-4 e 6-0), Azarenka confirmou a candidatura ao título, com mais um 2-0, desta feita a Strycova (6-2 e 6-4), já os outros dois encontros terminaram em surpresa. Konta deixou Makarova pelo caminho (Kerber é agora a única esquerdina do circuito ainda em prova) por 2-1 (4-6, 6-4 e 8-6), maior surpresa foi a chinesa Zhang (apenas 133.º do ranking mundial), derrotar a prodígio Madison Keys (20 anos e n.º 17 do ranking WTA) por também 2-1 (3-6, 6-3 e 6-3).

Etiquetas: