Jonathan Calleri no São Paulo (OFICIAL); Chile aposta em ex-FC Porto; Proença admite final da Taça da Liga em Macau

O Inter chegou a tê-lo apalavrado, num acordo que envolvia um empréstimo ao Bologna, mas desistiu do negócio, já que o avançado foi vendido a um clube-ponte, o Deportivo Maldonado, e os italianos não quiseram arriscar uma possível sanção da FIFA.

É oficial, Jonathan Calleri é reforço do... São Paulo. O avançado argentino, de 22 anos, que nas últimas duas épocas brilhou no Boca Juniores, tinha tudo para o rumar ao futebol europeu, mas a confusão em relação ao seu passe - foi adquirido pelo Deportivo Maldonado, da II divisão do Uruguaio, clube que está sob a mira da FIFA, fez com que se juntasse ao Brasileião. Calleri assinou pelo São Paulo até 30 de Junho, com um acordo para estender o contrato até à final da Libertadores. O argentino, que foi o melhor do Boca, na época passada destaca-se pela sua enorme qualidade técnica.

Boa medida? Em França e em Itália, por exemplo, já várias finais foram disputados noutro Continente, normalmente com queixas dos jogadores e treinadores (pelo desgaste das viagens e pelas más condições que muitas vezes são proporcionadas) - Pedro Proença está numa viagem pelo Oriente, estando hoje em Macau, tendo abordado a possibilidade de realizar a final da Taça da Liga fora do território Nacional: "gostaríamos muito de poder potenciar a Taça da Liga, e que a final pudesse ser realizada fora do espaço Português, quem sabe aqui em Macau. Seria um pontapé de saída muito importante.", afirmou o presidente da Liga.

O legado de Sampaoli e de Bielsa é pesado (o Chile passou de ser uma das equipas mais frágeis do Continente para vencer a Copa América), mas o avançado que passou pelo Porto já mostrou qualidade como treinador (títulos na Argentina, no Chile, e uma passagem pelo Valência em que pegou numa equipa em crise e foi ganhar ao Camp Nou, empatar no Bernabéu e ficou a instantes de chegar à final da Liga Europa) - Já há substituto para Jorge Sampaoli no comando técnico da Selecção do Chile: Juan António Pizzi é o novo timoneiro de La Roja, tendo chegado a acordo com os campeões da Copa América. Pizzi, antigo avançado de FC Porto e Barcelona que na Europa treinou o Valencia, abandona assim os Mexicanos do León, tendo um grande objectivo já este Verão, com a participação na Copa América do Centenário.

Etiquetas: , ,