Lopetegui associado ao América do México; Anthony Cáceres reforça Man City; João Sousa vs Kukushkin no Open da Austrália; Leonard melhor que LeBron

Há um ano o basco andava a ser associado aos grandes de Espanha e a emblemas como o Milan, mas parece ter perdido o comboio para esse tipo de equipas.

A sua desvinculação ao FC Porto continua sem ser oficializada, mas Julen Lopetegui já tem pretendentes. De acordo com a ESPN, o treinador espanhol é pretendido pelo América, do México, para suceder a Ignácio Ambriz, técnico que ainda não foi demitido mas cujo futuro no clube estará seriamente comprometido. Numa entrevista à Fox Sports, Lopetegui não confirmou nem desmentiu o rumor, mas fez vários elogios ao futebol mexicano em geral: «A produção do futebol mexicano, a nível tático e físico, sempre foi de qualidade e estão a ser colhidos os frutos. Cresceram em lume branco e por isso há agora jogadores mexicanos competitivos e de grande nível.»

Federer ficou na parte do quadro de Djokovic; Murray tem na teoria o caminho mais fácil até à final - João Sousa, 33.º do «ranking» mundial, vai defrontar o cazaque Mikhail Kukushkin, 63.º da hierarquia, na ronda inaugural do Open da Austrália. Djokovic inicia o torneio frente ao coreano Hyeon Chung, enquanto que Federer mede forças com  Basilashvili, já Nadal tem um duelo com o compatriota Fernando Verdasco. No parte feminina, Michelle Larcher de Brito eliminou Maria Sanchez na segunda ronda de qualificação e vai agora defontar para Maryna Zanevska para chegar ao quadro principal.

Os Citizens, na teoria, vão ter um mercado de Inverno calmo, a menos que o descontente Bony seja transferido - Anthony Caceres, médio australiano, de 23 anos, é o primeiro reforço de Inverno do Manchester City. Foi o próprio Central Coast Mariners, da Austrália, a anunciar a transferência do jogador para o clube inglês. No entanto em Inglaterra adiantam que Caceres poderá ser emprestado pelos Citizens ao Melbourne City.

Barkley tinha dito antes do jogo que Kawhi Leonard era nesta momento o melhor jogador do Mundo (concorda?) - E o SF dos Spurs não desiludiu, tendo contribuído com 20 pontos, 10 ressaltos, 5 assistências e uma defesa implacável a Lebron para a vitória de San Antonio frente aos Cavaliers, por 99-95. Os Cavs até começaram melhor, mas os anfitriões, que também tiveram Parker em destaque (24 pontos), foram equilibrando e no 4.º período assumiram a liderança e não voltaram a perder. LeBron marcou 22 pontos; nos outros jogos os Warriors, depois de terem perdido em Denver, derrotaram sem problemas os Lakers, por 116-98, enquanto que os Bulls venceram os 76ers por 115-111, mas apenas no prolongamento e num jogo em que estiveram a perder por 24 pontos. Butler, com 53 pontos (igualou o máximo de época de Curry), voltou a fazer história. 

Etiquetas: ,