Jorge Jesus pede respeito por Lopetegui e critica jornalistas; Atlético isolado; Belenenses empata com 10; City consegue reviravolta em 2 minutos

Faz sentido esta postura de JJ? No final do encontro pareceu excessivamente preocupado em proteger Lopetegui.

Jorge Jesus surpreendeu na flash-interview no final da vitória no Clássico ao sair em defesa de Julen Lopetegui. O técnico do Sporting ouviu as perguntas colocadas ao líder do FC Porto na zona de entrevistas rápidas (sobre se o lugar do espanhol estaria em causa) e, no final da sua intervenção, criticou o jornalista. "O FC Porto demonstrou que é um rival e tem uma equipa, na minha opinião, bem trabalhada. Não percebi as perguntas que fez [ao Lopetegui sobre se o seu lugar estava em perigo] e acho que isso não se faz. Você tem que é falar do jogo, não é do treinador, é do jogo!", criticou JJ. O timoneiro dos leões realçou ainda a qualidade do adversário: "Esta equipa do Porto é uma equipa forte. Gostei muito da equipa do Porto, tem jogadores muito fortes. Não é fácil parar esta equipa do Porto. Ganhámos ao rival e estamos de parabéns, principalmente os jogadores, mas os adeptos foram espetaculares", elogiou, antes de concluir: "Atenção, o campeonato em Portugal agora vai ser mais forte. Há mais dinheiro para ir buscar jogadores."

Os Azuis do Restelo conseguem um importante ponto, num dos campos mais difíceis da Liga e quando já alinhavam com apenas 10 unidades, em virtude da expulsão de Carlos Martins aos 52 minutos - Na 15.ª jornada, Paços de Ferreira e Belenenses empataram 2-2, na Capital do Móvel, resultado que impede os pacenses de se isolarem no 5.º lugar (estão em 6.º com os mesmos pontos do Vit. Setúbal). Tiago Caeiro deu vantagem ao conjunto de Velázquez, mas Bruno Moreira restabeleceu a igualdade de grande penalidade poucos minutos depois. No segundo tempo, Carlos Martins foi expulso e piorou as aspirações dos visitantes, que viriam a sofrer o 2-1 aos 75 minutos, por intermédio de Andrezinho. No entanto, André Sousa, uma das melhores unidades do Belém nesta temporada, fez o empate no minuto seguinte, garantindo assim um ponto.

A 10 minutos do fim os Citizens estavam a 6 pontos do Arsenal mas estão na luta - O Man City fechou a tarde da Premier League com uma importante vitória, por 2-1, no terreno do Watford. Os anfitriões chegaram à vantagem no principio da 2.ª parte fruto de autogolo de Kolarov, mas Yaya conseguiu empatar no minuto 82, tendo Aguero, 2 minutos depois, consumado a reviravolta, com uma excelente cabeçada. Com este triunfo o conjunto de Pellegrini manteve os 3 pontos de diferença para o Arsenal.

Jackson e Griezmann estiveram perdulários - Não foi fácil, mas o Atlético de Madrid conseguiu isolar-se primeiro lugar da liga espanhola ao bater o Levante, lanterna-vermelha da prova, por 1-0, com um golo do suplente Thomas já perto do fim. No outro jogo da noite, o Málaga conseguiu uma importante vitória frente ao Celta de Vigo, por 2-0.

Etiquetas: , ,