Henri Saivet reforça Newcastle; Sampaoli vinca que pretende deixar o Chile; Klopp avisa Guardiola

Os Magpies já tem alguns dos melhores médios da Premier League, como Sissoko e o Wijnaldum, e o elenco, com a qualidade que tem, noutra Liga podia facilmente lutar pelos lugares europeus, mesmo em Inglaterra tem condições para isso, o problema é a falta de capacidade ao nível do banco e principalmente a excessiva pressão por ser uma espécie de gigante adormecido.

Mais um jogador da Ligue 1 a rumar ao campeonato inglês. Henri Saivet foi adquirido pelo Newcastle ao Bordéus a troco de 6,5 milhões de euros. O internacional senegalês, de 25 anos, no principio da carreira jogava na ala (onde até ganhou muito hype durante a formação), mas nos últimos anos tem espalhado a sua excelente técnica no meio campo. Os Magpies, que estão actualmente nos lugares de descida na Premier League, também pretendem contratar Shelvey ao Swansea.

Tem sido associado ao Valencia, Roma, FC Porto e Chelsea - Jorge Sampaoli, que está entre os 3 finalistas a melhor treinador do ano por parte da FIFA, voltou a reforçar hoje que pretende deixar a selecção do Chile, com quem tem contrato até 2018. «Neste ambiente não quero trabalhar nem viver neste país. Nunca imaginei que em tão pouco tempo pudessem destruir a imagem de quem tanto deu ao futebol chileno. Estou francamente dececionado», disse Sampaoli, assumindo divergências com o novo presidente da Federação chilena, Arturo Salah. «Estranho a sua posição de me manter como refém contra a minha vontade», acrescentou o treinador argentino.

Melhor Liga ou a mais exigente? - Klopp também já se pronunciou sobre o ingresso de Pep Guardiola na Premier League, e até deixou um aviso ao espanhol salientando a dificuldade que é competir em Inglaterra devido ao elevado numero de jogos e pouco descanso entre as partidas. “Na Alemanha, quando digo às pessoas que na Taça de Inglaterra quando empatas tens jogar outra vez eles dizem: ‘O quê?’. Aqui temos penáltis e tempo extra, mas apenas após o segundo jogo. É algo para que ele [Guardiola] tem de estar preparado… o elevado número de jogos. Aqui é futebol, futebol e futebol”, disse o treinador do Liverpool. “Mas se a pré-temporada for perfeita a equipa estará preparada para a longa, longa jornada. Nós sabíamos disso, mas experimentar a realidade é diferente. Guardiola é muito experiente e irá comprar alguns jogadores e ter um bom plantel, talvez com 35 jogadores…”, atirou.

Etiquetas: