FC Porto oficializa: Marega fica com uma cláusula de 40 ME, José Sá de 30 M. O que dizem os Leitores!

Moussa Marega, avançado franco-maliano de 24 anos, e José Sá, guarda-redes português de 23 anos, são reforços do FC Porto, anunciou oficialmente o 3.º classificado do campeonato. Ambos os jogadores são provenientes do Marítimo e assinaram contrato por quatro anos e meio, ou seja, até Junho de 2020. As cláusulas de rescisão são de 40 e 30 milhões de euros, respetivamente. O internacional maliano Marega chegou ao futebol português pela porta do Marítimo, em janeiro de 2015, e desde então fez 34 jogos e apontou 15 golos pelos insulares. José Sá, que foi vice-campeão europeu de Sub-21 em Junho, está na Madeira desde a época 2011/12, tendo já disputado 24 encontros oficiais pela equipa principal do Marítimo.

E porque a opinião dos nossos visitantes é muito válida para o Visão de Mercado, e no âmbito na nova rubrica "O que dizem os Leitores" (sempre que aparecer um PS num texto a indicar que o comentário pode ficar em stand-by, é sinal que a visão partilhada sobre esse tema pode aparecer mais parte de maneira individual), deixamos alguns testemunhos sobre este negócio que foram uma espécie de volte-face considerando as noticias dos últimos dias. 

Knox_oTal: "A ser verdade que o Sporting estava interessado, são mais duas contratações falhadas, o que leva à pergunta será que devido à sua postura e conflitualidade, a presença do Presidente do Sporting "prejudica" na hora de negociar jogadores, especialmente em Portugal! Do ponto de vista do FCP duas contratações sem nexo, apenas contratar por contratar, tirando ainda mais competitividade a uma equipa já si aquém das expectativas como é o Marítimo. Tendo Aboubakar (excelente avançado na minha óptica, precisa de confiança apenas), Suk (será que teve realmente o aval convicto de Peseiro), André silva (mais um ano a secar na II Liga) e ainda Ismael Diaz (mesmo perfil que Marega mas com muito mais potencial) não tem fundamento esta contratação. Mesmo se olharmos ao estilo de jogo de Peseiro, essencialmente de posse e apoiado, logo muito longe do jogo de transições em que Marega rende mais. Quanto a José Sá, embora proteja e prefira sempre os portugueses, este jovem GR, excepto no Euro sub-21, ainda não mostrou qualidade para dar este salto. Aliás esta mudança pode ser desastrosa na sua evolução como GR e como opção de carreira (numa perspectiva desportiva). Sendo ainda mais confuso tendo em conta a presença de Gudino, muito mais promissor e já da casa".

Flávio Trindade: "Mais um drible do Porto ao Sporting a passar pela Madeira. E se as coisas já não andavam boas, duvido que tão cedo o Sporting volte a fazer negócios com o Marítimo. Quanto aos jogadores em si sou um apreciador dos dois embora se no caso de Marega me parece que o avançado maliano terá mais hipóteses de sucesso imediato nos azuis e brancos do que no Sporting (Peseiro prefere o 4-4-2 e poderá colocar duas setas em campo com Aboubakar e Marega com Suk e Bueno como alternativas), já no caso de José Sá não se percebe. Casillas é o titular, Helton é o lider espiritual da equipa e Gudino é um belíssimo guarda redes. Creio que viverá de empréstimo em empréstimo. Seja como for uma notícia surpreendente".

Super_Sir Master: "Como adepto do Marítimo tenho visto os jogos ao vivo e este Marega é um jogador que realmente impressiona pela potência física, arrancadas, velocidade, drible, embora por vezes algo trapalhão a rematar, mas é um jogador que claramente não tem cabeça. Foram vários os problemas que causou fora de campo e famosa birra por não ter sido transferido no defeso, mas mesmo dentro de campo é frequente vê-lo em conflitos e discussões não só com os árbitros e adversários (vendo muitos cartões desnecessários) mas até com os próprios colegas de equipa! E como no Porto irá ser suplente de Aboubakar e Suk, creio que irá ficar insatisfeito e criar mau ambiente, por isso custa me compreender esta contratação do Porto..."

Nuno R: "Tenho dúvidas que seja bem sucedido num sistema de jogo baseado em ataque contínuo. Em termos técnicos é bem inferior a Corona ou Brahimi, tem força e velocidade, mas não acho que sejam atributos suficientes para se impor no Porto. O Hernani também tinha características físicas interessantes, e foi-se embora. O Tello era rápido, e não singrou. As pessoas levam em linha de conta a capacidade atlética (a tal explosão e potência), mas o futebol é muito mais que isso, e o Marega parece muito distante de ser um jogador completo. Mas pode ser que melhore nos aspectos tácticos, e se adapte à nova realidade, se bem que nestes seis meses a expectativa deve ser reduzida, pois apanha a época em andamento. O melhor cenário é que evolua tal e qual o Hulk. O pior cenário é que termine a bater umas suecas com o Sami, Hernani e o Djalma".

Gabriel Esteves: "Ora bem: O Fabiano é para despachar, podendo ainda o Porto lucrar uns trocos, O Bolat idem aspas, O Ricardo foi uma contratação desnecessária e também é para despachar ou ir emprestando até acabar o contrato, O Kadú não sei bem o que fazer com ele, porque o Porto já tem um guarda-redes de grande potencial, o Gudiño. Talvez o melhor fosse emprestá-lo novamente a um clube que lhe desse oportunidades ou então vendê-lo e ter uma cláusula de re-compra; O Fernandez é para fazer uma grande venda, visto que é titular na La Liga; O Helton e o Casillas já não vão para novos mas ainda penso que farão boas épocas. No caso do brasileiro penso que saía no final da época ou acabe a carreira. Assim sendo, será: Para despachar: Bolat e Ricardo; Fazer boas vendas: Fabiano e Andrés Fernandez; Para emprestar pois têm potencial: Gudinõ e Kadú; Para manter no plantel até ao final da época: Casillas, Hélton e o recem-chegado, José Sá.

Pedro Miguel Garcia: "[Marega] É um bom jogador, sem dúvida, e pode ser um reforço muito interessante. Quem sabe se não vem a ser o novo "Douala" de Peseiro".

Etiquetas: ,