«A vitória de Aubameyang é uma vergonha»; Hattrick de Messi na goleada do Barça (Arda já dá espectáculo); Mónaco empresta médio que custou 10 ME ao Standard; Muita montanha na Vuelta 2016

Arda está com fome de bola. O turco entrou em grande na equipa e, para além de uma assistência espectacular, demonstrou um excelente entendimento com a MSN. O trio continua a brilhar, privilegiando o colectivo mas acrescentando grande qualidade individual. Hoje foi Messi a destacar-se, contribuindo com um hat-trick que deu uma vitória importante depois do empate no derby com o Espanhol, num jogo em que Luis Enrique deu descanso a Dani Alves (Vidal foi titular, tendo o brasileiro entrado só na 2.ª parte), Mascherano, Busquets e Iniesta.

O Barça passeou em Camp Nou e goleou o Granada por 4 golos sem resposta, colocando pressão no Atlético. A equipa de Luis Enrique teve uma tarde inspirada, contando com o trio MSN em grande (o segundo golo é uma grande jogada). Messi fez um hat-trick, Neymar também marcou, mas o principal destaque vai para Arda Turan, que "abriu o livro" com uma grande assistência no 1-0 e demonstrou que pode ser um reforço de peso para a segunda volta. Num jogo fácil, destaque para o falhanço de Suárez, e para a boa exibição do portista Andrés Fernandez que negou alguns golos à MSN.

Uma resposta algo aziada do costa-marfinense. Se agora utiliza o argumento do troféu vencido pela Costa do Marfim, que não pode ser o único na atribuição destes prémios, dá "um tiro no próprio pé", pois nas eleições anteriores Yaya não tinha ganho nenhuma CAN. Por outro lado, o médio do City parece criticar também o facto de Auba ter nascido fora do continente africano - Yaya Touré não ficou satisfeito com a atribuição do prémio de melhor africano do ano - que tinha vencido por quatro vezes consecutivas - a Aubameyang. O marfinense utilizou a Bola de Ouro para criticar a eleição. «Se o Lionel Messi ganhou todos os troféus, mas a Bola de Ouro na segunda-feira for parar ao Cristiano Ronaldo, o que é que diríamos? Que era injusto», comentou. O jogador do City lamentou também o facto de a CAF não valorizar o que é verdadeiramente africano, classificando como "indecente" e "uma vergonha" a eleição do avançado do Dortmund. "É triste ver África agir assim, não dando importância a coisas africanas. É isto que envergonha África. Comportar-se desta forma é indecente, mas o que posso fazer? Não demonstrámos que África é importante aos nossos olhos. Damos mais importância ao que acontece lá fora do que no nosso continente, o que é patético", afirmou.

A política de mercado do Mónaco foi disparatada e agora o clube terá de corrigir a situação em Janeiro. Rony já foi emprestado, agora foi a vez de Boschilia - O brasileiro vai actuar até final da época no Standard de Liège, da liga belga. Contratado ao São Paulo por 10 milhões de euros, o jovem médio teve pouquíssimas oportunidades para se mostrar no Principado e poderá aproveitar esta cedência para ganhar ritmo no futebol europeu (é um dos maiores talentos brasileiros desta geração).

Mais uma edição semelhante às anteriores, com muitas etapas que podem beneficiar as características de Purito, Landa, dos colombianos e do próprio Aru, vencedor do ano transacto - Foi apresentado o percurso da Vuelta de 2016 e a prova terá umas incríveis 10 chegadas em alto. A competição começa a 20 de Agosto, na Galiza, e termina a 11 de Setembro, em Madrid, tendo passagem garantida pelos Pirenéus franceses.

Etiquetas: , , ,