MSN termina 2015 em grande (Suárez bisou, Messi também marcou, Neymar brilhou); Atlético só resolveu perto do fim; Liverpool a 5 pontos da Champions; Recreativo devolve médio ao Sporting; FC Porto renova com guarda-redes; Emanuelson no Verona

O Barça desbloqueou o jogo de maneira caricata e depois foi tudo demasiado fácil para a MSN, que continua a impressionar pela solidariedade e maneira como colocam o colectivo à frente do individual; Neymar, que até falhou um penalti, foi o elemento em maior destaque, com duas assistências e vários lances de grande nível; Messi também esteve em evidência (os postes não permitiram que somasse mais golos no seu jogo 500); enquanto que Suárez, com o bis, termina o ano cívil como melhor marcador da La Liga (15 golos). Nota ainda para o Atlético, que sofreu contra o Rayo (os golos surgiram no fim) mas conseguiu manter-se colado aos Culés (apesar de com mais um jogo) e para a excelente vitória do Atheltic em Vigo.

O Barcelona cumpriu com o esperado e bateu o Betis, em Camp Nou, por 4-0, na noite em que o Plantel mostrou os 5 títulos conquistados em 2015 aos adeptos. Após uma etapa inicial com poucas movimentações junto das balizas, os Culés dispuseram de um penalty aos 29', quando o árbitro considerou falta de Adan sobre Messi quando este afastou uma bola a soco. Na conversão, Neymar escorregou e atirou à barra, mas na recarga Westermann, ao tentar impedir que Rakitic rematasse, acabou por fazer auto-golo (parece haver falta do Croata). Apenas 4 minutos depois, Neymar e Messi combinam bem entre si e o Brasileiro oferece o golo ao Argentino, que não facilita. Na segunda parte assistiu-se a um vendaval Blaugrana, com 3 bolas nos postes e inúmeras situações claras de golos, mas houve algum desperdício e mérito de Adan, tendo ainda assim Suarez acrescentado mais 2 golos à sua conta pessoal. Já em Vallecas, o Atlético sofreu mas venceu o Derby frente ao Rayo (com José Castro de início e Bebé a entrar aos 71') por 2-0, numa partida decidida já perto do fim. Os homens de Simeone foram quase sempre superiores, mas após um primeiro tempo sem golos (mas em que Carrasco e Torres - que tarde em chegar ao golo 100 pelos Colchoneros - estiveram perto de marcar), o desafio parecia encaminhar-se perigosamente para um nulo (Godin levou vários vezes perigo em lances de bola parada nos segundos 45 minutos), mas aos 88' Thomas tabela com Saúl e isola Correa, que faz balançar as redes. Houve ainda tempo para, 2 minutos depois, Griezmann, servido por Jackson, fazer o resultado final (belo chapéu) e permitir ao Atlético não deixar fugir o Barça (apesar de com um jogo a mais). Em Vigo, num dos duelos mais interessantes do dia, o Athletic conquistou uma importantíssima vitória frente ao Celta por 1-0. O único tento da partida foi apontado aos 71' por Raul Garcia, na sequência de um contra-ataque rápido em que o ex-Atlético rouba a bola ainda no seu meio-campo, combina com Aduriz e marca o golo que permite aos Bascos igualarem o Deportivo no sexto lugar. Por seu turno, o Sevilha (com Carriço o tempo todo no banco) bateu em casa o Espanhol também por 2-0. Aos 16', Immobille, que até parece estar na porta de saída do clube, aproveita uma recuperação de Vitolo quando os Catalães estavam a sair a jogar (erro grave de Roco) para abrir o marcador, tendo Ever Banega feito o segundo aos 41'. Quem continua a fazer uma bela época é o Eibar, com os Bascos a terem recido e vencido o Sporting de Gijón por 2-0 (golos de Keko e Borja Bastón, que marcou o seu oitavo golo na prova). Finalmente, Getafe e Deportivo da Corunha empataram a zero (Miguel Cardoso voltou a ter minutos nos Galegos, tendo entrado aos 82)'.

Benteke resolveu pelo 2.º jogo consecutivo - O Liverpool garantiu a 2.ª vitória na Premier League ao bater fora, o Sunderland, por 1-0. Triunfo que permite chegar aos 30 pontos, os mesmos do Man Utd, e ficar apenas a 5 pontos do 4.º lugar; Já os Black Cats continuam em penúltimo. Benteke, no principio da 2.ª parte, apontou o único golo da partida, apesar de ter voltado a ser protagonista de um falhanço incrível.

Nos próximos tempos, até por coincidir com Gudino, dificilmente vai ter uma oportunidade na equipa principal do FC Porto, mesmo a nível nacional não é sequer o melhor da sua geração a nível nacional - O guarda-redes João Costa renovou pelo FC Porto até junho de 2018. O jovem de 19 anos, que esta época já disputou 4 jogos pela equipa B portista, fica ainda com uma cláusula de rescisão cifrada em 15 milhões de euros.

Um dos muitos excedentários do Sporting (curiosamente renovou há pouco tempo); Tem sido associado ao Boavista, mas o mês de Janeiro promete ser uma dor de cabeça para os responsáveis leoninos - O Recreativo de Huelva rescindiu o contrato com Kikas, médio que estava no emblema da III divisão de Espanha por empréstimo do Sporting. O jogador, de 24 anos, que nunca foi aposta no antigo conjunto de Dominguez, vai assim regressar a Alvalade no mês de Janeiro.

O ex-Milan estava no desemprego desde o final da última época - Urby Emanuelson assinou até 2017 pelo Hellas Verona. O lateral/extremo holandês, de 29 anos, em 2014-15 representou a Roma e a Atalanta.

Etiquetas: , ,