Jogo com o FC Porto define futuro de Mourinho

Pressão que pode beneficiar ou prejudicar o conjunto de Lopetegui? Os Blues são favoritos, e sabem que jogam a época neste jogo (só a Champions pode salvar 2015-16), mas alguns jogadores tem dado a ideia de não estão com o Special One, e isso pode servir as pretensões dos dragões.

A imprensa inglesa de maneira quase unânime adianta que um eventual deslize do Chelsea frente ao FC Porto irá significar o adeus de Mourinho ao comando técnico dos londrinos. A derrota com o Bournemouth voltou a agravar a crise dos Blues e Roman Abramovich estará a ser pressionado para demitir o português. Alguns jornais acrescentam que mesmo que o Chelsea sobreviva na Champinons uma derrota na próxima jornada contra o Leicester também pode precipitar a saída do Special One. Neste capítulo, hoje, Sir Alex Ferguson considerou que era um erro o Chelsea deixar sair Mourinho. O lendário treinador do Manchester United (e amigo de Mou) afirmou que "Roman Abramovich já despediu tantos treinadores nos últimos 10 anos que, certamente, aprendeu a lição. Ele tem de confiar que Mourinho pode dar a volta à situação. " Fergie sublinhou ainda a sua convicção de que "não faz sentido despedir um dos melhores treinadores da história, que ganhou a liga de todos os países por onde passou e duas vezes a Liga dos Campeões", sendo esta a primeira vez que o treinador do Chelsea" lida com o insucesso" . Finalmente Ferguson manifestou a sua convicção de que a situação se irá alterar, já que "existem sinais de melhoria" e porque "todos os bons líderes acabam por encontrar uma solução. A situação não é boa de momento, mas eu conheço-o a si e ao seu trabalho e sei que isto não vai durar muito mais", disse o escocês ao "The Times"

Etiquetas: