«Aprendi mais em 5 meses com Guardiola, do que nos últimos 5 anos na Ucrânia»; Klopp quer suplente do Dortmund; Jesus é o treinador do Ano no Sporting; Doyen lucra com Neymar; 5 jogadores do Benfica nos convocados de Portugal

Douglas Costa está a ter um impacto tão grande no Bayern que muitos consideram que foi mesmo o melhor reforço do Ano nos campeonatos europeus. Numa entrevista à Sport1, o internacional brasileiro reconheceu que este bom momento se deve a Guardiola. O extremo, que é o jogador com mais assistências na Bundesliga (7), não faz por menos e diz que aprendeu mais nestes 5 meses com o treinador espanhol do que nos 5 anos que esteve na Ucrânia. "Eu estava bem no Shakhtar, mas tenho de admitir que em 5 meses no Bayern já aprendi mais do que nos 5 anos que estive na Ucrânia", começou por dizer. "Com ele [Guardiola] todos os dias aprendo algo diferente. Estou sempre em formação. É o melhor treinador do Mundo. E tenho uma excelente comunicação com ele", disse o ex-Grémio.

Em 2012-13 foi um dos 5 melhores centrais da Europa, o Mundo Deportivo chegou a rotulá-lo como o defesa mais perfeito na actualidade, mas as lesões a juntar à concorrência fizeram com que perdesse influência - Neven Subotić é um dos alvos de Klopp para o mês de Janeiro. Segundo o Bild, o Liverpool vai tentar aproveitar esta fase menos boa do sérvio para convencer o Dortmund a libertá-lo. Subotić, que está no Borussia desde 2008, esta época tem sido suplente de Hummels, Sokratis, Ginter e até Bender. 

Uma máquina de fazer dinheiro - De acordo com o "Football Leaks", parte das verbas que Neymar recebe dos contratos com a PokerStars e Konami vão para a Doyen. O acordo com a PokerStars, assinado em março de 2015, rende ao avançado 2 milhões de euros por ano. Desse valor, 400 mil euros revertem para a Doyen. Já pelo contrato com a empresa de vídeojogos Konami, detentora por exemplo do Pro Evolution Soccer, Neymar ganha 750 mil euros, 150 mil dos quais para o referido fundo.

Em relação à última convocatória, relativa aos jogos particulares com a Holanda em outubro, saíram Joel Queirós, Marinho e Miguel Ângelo - Ricardinho e Cardinal integram a lista de 14 jogadores da selecção nacional que vai disputar os jogos do grupo 6 da primeira fase de qualificação para o Campeonato do Mundo de 2016, frente à Polónia, Noruega e Ucrânia, que decorrerão entre os dias 10 e 13 de dezembro, no pavilhão municipal da Póvoa de Varzim. Fabinho, do Sporting, é a principal novidade numa convocatória em que o Benfica, com 5 elementos, é o clube mais representado. Convocatória: Guarda-redes: Bebé (Benfica) e Vítor Hugo (SC Braga/AAUM); Fixo: Fábio Cecílio (Benfica) e João Matos (Sporting); Ala: Arnaldo (Axed Group Latina/Ita), Bruno Coelho (Benfica), Djô (Sporting), Fabinho (Sporting), Mário Freitas (Benfica), Pedro Cary (Sporting), Ré (Benfica), Ricardinho (Inter Movistar/Esp) e Tiago Brito (SC Braga/AAUM); Pivot: Cardinal (Inter Movistar/Esp).

Surpreende a escolha de JJ em detrimento de Marco Silva - Apesar de só estar há 5 meses em Alvalade Jorge Jesus foi eleito o melhor treinador do ano no Sporting. O técnico foi distinguido pelo Grupo Stromp e receberá o prémio no próximo dia 18 de dezembro. William Carvalho foi eleito futebolista do ano, enquanto Gelson Martins venceu o prémio revelação. Destaque ainda para Sara Moreira (atletismo) e João Costa (tiro), que venceram o prémio de atleta do ano. Lista de vencedores dos Prémio Stromp 2015:
Atleta do Ano: Sara Moreira (atletismo)
Atleta do Ano: João Costa (tiro)
Futebolista do Ano: William Carvalho
Mundial: Tiago Petrony (futebol praia)
Mundial: Rui Coimbra (futebol praia)
Mundial: Jordan (futebol praia)
Mundial: Belchior (futebol praia)
Mundial: Madjer (futebol praia)
Europeu: Emanuel Silva (canoagem)
Europeu: Equipa de hóquei em patins vencedora Taça CERS
Europeu: Equipa judo masculina
Europeu: João Mário (futebol)
Europeu: Tobias Figueiredo (futebol)
Europeu: Carlos Mané (futebol)
Europeu: Ricardo Esgaio (futebol)
Europeu: William Carvalho (futebol)
Europeu: Iuri Medeiros (futebol)
Europeu: Paulo Oliveira (futebol)
Europeu: Ricardo Fernandes (kickboxing)
Europeu: Bruno Susano (kickboxing)
Europeu: João Vaz (natação adaptada)
Revelação do Ano: Gelson Martins (futebol)
Academia Sporting: Pedro Silva
Técnico do Ano: Jorge Jesus (futebol)
Dirigente do Ano: Carlos Cruchinho (natação)
Coordenador: Rui Alves (tiro)
Sócio do Ano: Manuela Rodrigues
Dedicação: Vitor Carvalho (boxe)
Saudade: Francisco Salema (hóquei em patins)
Especial: Eugénia Martins (funcionária)

Etiquetas: , , ,