Adeptos do FC Porto exigem demissão de Lopetegui; Villas-Boas indignado com árbitro português; Avançado apontado ao Sporting reforça Levante


Os portistas há muito que perderam a paciência com Lopetegui, e a eliminação na Champions foi uma espécie de gota de água, mas dificilmente Pinto da Costa vai despedir o espanhol, ainda para mais quando o clube continua em 4 frentes - Dezenas de adeptos exigiram a demissão do treinador do FC Porto, Julen Lopetegui, depois da eliminação da Champions na sequência da derrota por 2-0 frente ao Chelsea. A polícia foi obrigada a conter os protestos na chegada da equipa ao aeroporto Sá Carneiro.

Passa a ser o jogador mais caro na história da equipa de Deyverson e Ghilas - Mauricio Cuero, jovem extremo/avançado colombiano do Banfield, que chegou a ser associado ao Sporting, é oficialmente reforço do Levante. O jogador de 22 anos custou 3,2 milhões de euros e já foi apresentado no clube espanhol, passando a ser opção a partir de 1 de Janeiro.

O campeão russo é uma das equipas mais apetecíveis do pote 1 no sorteio da LC, ainda por cima a próxima eliminatória vai ser o 1.º jogo oficial em 2016. AVB já disse que para atenuar isso vai preparar a equipa no Qatar, Portugal e Brasil - André Villas-Boas, afirmou sentir “vergonha” pelo árbitro luso Jorge Sousa, que dirigiu na quarta-feira a partida do Zenit frente Gent, para a Liga dos Campeões. “Metemos a melhor equipa, dentro do respeito pela ética, pela competição e pelo adversário. E o árbitro deu-nos vários cartões amarelos por nada”. Tenho vergonha por este árbitro português. Cinco jogadores (em seis) foram advertidos e não vamos poder contar com eles nos oitavos de final", disse o treinador dos russos.

Etiquetas: , ,