Wenger dá exemplo do Benfica de Jesus; Defesa do FC Porto pode regressar à Premier League; William, Paulista, Jefferson e Téo falham Lokomotiv

É possível ter sucesso na Liga Europa e na Premier League? Por norma as equipas inglesas prescindem da 2.ª competição da UEFA para se concentrarem no campeonato. 

A possibilidade do Arsenal, que à entrada para a 5.ª jornada da Champions tem apenas 3 pontos, cair para a Liga Europa é real, mas Arsène Wenger não se mostra preocupado. O francês não concorda com a falta de aposta dos clubes e até dá o exemplo do Benfica de Jorge Jesus, que foi a duas finais seguidas e mesmo assim continuou a ganhar títulos em Portugal, para desdramatizar a situação. O francês acha que é possível fazer uma boa gestão das duas provas, ao contrário do que fazem as equipas inglesas que desvalorizam a Liga Europa em relação à sua participação na liga inglesa. "Acredito que, quando toda a gente estiver boa, teremos um plantel para competir na Premier League e na Europa. Mas se passarmos à próxima fase da Champions, podemos ser muito perigosos para toda a gente. Se formos para a Liga Europa levaremos a competição a sério, mas ainda não estamos fora da Liga dos Campeões. Parece-me que a questão da Liga Europa tem sido muito exagerada em Inglaterra porque já jogamos à quarta e ao sábado e portanto vai dar ao mesmo se jogarmos à quinta e ao domingo. Não vejo onde está a diferença. Há imensos exemplos em Portugal e Espanha de equipas que levam essa prova a sério e conseguem ganhar o campeonato local, como acontece com o Benfica, por exemplo. O Sevilha também esteve bem", disse Wenger.

Na teoria a continuidade do francês no Dragão não faz sentido - De acordo com o Telegraph, o novo treinador do Aston Villa, o gaulês Remi Garde, pretende recuperar Aly Cissokho em Janeiro. O esquerdino, que está emprestado pelo Aston Villa ao FC Porto, já trabalhou com Garde no Lyon e é visto como uma solução para colmatar a ausência de Amavi, que vai estar afastado dos relvados durante vários meses devido a uma lesão no joelho.

Qual deve ser o 11 de Jesus? - William Carvalo, Téo Gutiérrez, Bruno Paulista, Carlos Mané e Jefferson, todos devido a problemas físicos, e Rui Patrício, por castigo, são as principais ausências na lista de convocados do Sporting para o jogo da Liga Europa com o Lokomotiv Moscovo. Já Jug, Stojkovic, Podence e Tanaka constituem as principais novidades. Lista de convocados: 
Guarda-redes: Marcelo Boeck, Azbe Jug e Stojkovic;
Defesas: Ewerton, Naldo, Paulo Oliveira, Jonathan Silva, João Pereira, Esgaio e Tobias Figueiredo;
Médios: Aquilani, Adrien, André Martins e João Mário;
Avançados: Gelson, Montero, Tanaka, Slimani, Matheus Pereira, Bryan Ruiz e Podence.

Etiquetas: , ,