«Deixar o Real Madrid um dia? Porque não?»; LeBron é o mais jovem de sempre a chegar aos 25 mil pontos

O trabalho nos merengues está feito? A nível individual vai ficar para sempre na história do clube, devido ao estatuto de melhor marcador, e há pouco mais para fazer neste campo; já em termos colectivos a sua passagem por Madrid até ao momento está aquém das expectativas: apenas uma La Liga em 6 anos é manifestamente pouco. E o português sabe que se for para o PSG facilmente em 3 anos arrecada 3 campeonatos, mais umas 5 ou 6 taças, Supertaças e ainda pode entrar na história como a figura de uma 1.ª Champions.

Os rumores sobre a saída de Cristiano Ronaldo do Real Madrid para o PSG ou Man Utd têm sido mais do que muitos e, desta vez, foi o próprio jogador português a alimentá-los ao afirmar que uma eventual saída do Real Madrid é uma possibilidade. "Sair do Madrid? Porque não? Agora jogo no Real Madrid, mas nunca se sabe. Temos de fazer o que nos faz felizes, e ninguém sabe o seu futuro", afirmou o internacional português em entrevista à revista germânica Kicker, num discurso algo diferente do passado, onde sempre mencionou que gostava de terminar a sua carreira no emblema espanhol.

Kobe só atingiu esta marca aos 31 anos e Michael Jordan aos 33 - LeBron James, de 30 anos, tornou-se no mais jovem jogador da NBA a atingir os 25.000 pontos, ao contribuir com 22 na vitória dos Cleveland Cavaliers sobre Philadelphia 76ers, por 107-100. Além dos 22 pontos o "King" contribuiu ainda com 11 assistências e 9 ressaltos; Nos outros jogos, os campeões Warriors voltaram a esmagar (119-69 contra os Memphis, uma das equipas mais consistentes do Oeste) e os Rockets conseguiram a 1.ª vitória (110-105 contra os Thunder, num jogo em que Harden marcou 37 pontos); Clippers (102-96 aos Suns), Spurs (94-84 aos Knicks), Trail Blazers (106-101 aos Wolves) e Bucks (103-97 aos Nets) também venceram.

Etiquetas: ,