Alberto Bueno diz presente

Angrense 0-2 FC Porto (Bueno 14' e 40')

O FC Porto cumpriu nos Açores e já está nos oitavos-de-final da Taça de Portugal. Uma vitória tranquila sobre o Angrense (2-0), do 3.º escalão do futebol português, que destacou a qualidade técnica de Bueno, que, com um bis, ganhou pontos, num jogo em que Lopetegui deu a titularidade a elementos menos utilizados como Osvaldo, Sérgio Oliveira, Varela, Víctor Garcia, Ángel ou Lichnovsky.

O jogo foi de sentido único, apesar do ritmo médio baixo. Varela, aos 11 minutos, deu o primeiro aviso com um remate rasteiro e cruzado que foi defendido para canto, já que passados 3 minutos, os dragões fizeram mesmo o 1.º. Cruzamento de José Ángel (excelente neste capítulo no jogo de hoje) e Alberto Bueno antecipa-se ao guardião para desviar de cabeça para a baliza. Oito minutos depois foi a vez do conjunto dos Açores mostrar algum serviço, mas Eugénio (um dos melhores da equipa), depois de roubar a bola a um trapalhão Varela, dispara por cima da baliza de Hélton. Os seguintes quinze minutos foram bastante pobres, sem oportunidades de golo e com alguns lances confusos de lado a lado. Mas logo a seguir, os azuis-e-brancos voltaram a marcar. Cruzamento de Osvaldo na esquerda, Bueno recebe de peito e finaliza com um remate à meia volta. O Angrense voltou a levar perigo três minutos depois, numa displicência de Victor Garcia, mas sem ser este lance a equipa do Campeonato de Portugal não mais levou perigo à baliza de Hélton. A segunda parte teve menos história, o FC Porto limitou-se a controlar, e sem ser dois lances perigosos de Evandro (servido por Varela e isolado por Sérgio Oliveira) em que David saiu vencedor, houve poucos motivos de interesse.

Destaques

FC Porto - Serviços mínimos e objetivo cumprido: a passagem à próxima eliminatória da Taça de Portugal. Lopetegui optou por jogar sem elementos das seleções, e dar a oportunidade a elementos com menos minutos. Entre esses, Ángel e Sérgio Oliveira ganharam alguns pontos, Osvaldo tirando um ou outro pormenor (e a assistência para o golo) teve uma tarde infeliz, assim como Varela (desastrado no 1.º tempo). De resto, destaque para Bueno e Imbula, os dois melhores na partida de hoje.

Angrense - Equipa bem organizada, mas sem armas para derrubar um candidato à conquista do troféu. David na baliza esteve em destaque, embora pudesse ter feito melhor no primeiro golo, já o lateral Eugénio não se coibiu de subir ao ataque, dando algum trabalho a Victor Garcia.

Etiquetas: ,