Sporting tentou B. Alves... mas não conseguiu igualar condições contratuais; Carvalhal garante goleador até 17 de Janeiro; Rossi vai correr em Valencia

O internacional português está em final de contrato o que pode facilitar o seu regresso, mas nesta fase - apesar da desvalorização injusta que é alvo, quando foi por exemplo um dos 5 jogadores mais importantes para a selecção nos últimos 7 anos - não parece reunir já o suficiente para ser solução para um dos "grandes", ainda para mais com o tipo de política de mercado que neste momento se pratica em Portugal.

Os leões contrataram Naldo no último Defeso mas a prioridade de Jesus para o centro da defesa até era Bruno Alves, quem o garante é o pai do jogador. O defesa foi pretendido pelo Sporting mas acabou por ficar no Fenerbahçe, porque o clube leonino não igualou as condições contratuais que o jogador português aufere na Turquia. “Houve a possibilidade de ele vir para o Sporting, mas a proposta não foi para a frente e acabou por ficar na Turquia. O Bruno saiu de Portugal para melhorar a sua vida. Não iria voltar sem as mesmas condições que tem actualmente”, explicou Washington Alves, pai e representante de Bruno Alves, em entrevista a Bola Branca. Bruno Alves faz 34 anos no dia 27 de Novembro. A um mês do aniversário, Washington Alves comenta a situação contratual do internacional português. “O Bruno continua a ter um contrato até ao fim da presente temporada com o Fenerbahçe. Tem vindo a jogar e vai continuar até ao fim da época a menos que no mercado de Janeiro exista a possibilidade de ir para uma outra equipa que o pretenda”, refere.

Não se deu bem nos Canaries mas ao serviço do Celtic marcou 82 golos em 138 jogos - O goleador inglês Gary Hooper é oficialmente reforço do Sheffield Wednesday, equipa do Championship orientada por Carlos Carvalhal. O avançado que se destacou principalmente ao serviço do Celtic de Glasgow reforça os Owls por empréstimo do Norwich até dia 17 de Janeiro de 2016.

Não vai ser fácil segurar a liderança no campeonato neste contexto: último lugar da grelha, no país de Lorenzo e com toda a armada espanhola contra ele - Valentino Rossi decidiu correr em Valência. O italiano envolveu-se num incidente de pista com Marc Márquez durante o Grande Prémio da Malásia, que acabou com o espanhol no chão. Uns dizem que deu um pontapé, outros acusam Márquez de ter provocado a situação, a verdade é que Rossi foi penalizado e vai ter de defender o 1.º lugar do campeonato (tem mais 7 pontos que Lorenzo) sabendo que irá partir do último lugar da grelha de partida. O assunto tem dado que falar (tem sido capa em Espanha e Itália), e o italiano até ameaçou não correr na última prova do campeonato, mas agora desfez as dúvidas.

Etiquetas: , ,