Já nem os jogadores acreditam em Mourinho... O futuro é o Mónaco?

Por onde passa o futuro do Special One? Mónaco só faz sentido se voltar à politica desportiva de há duas épocas. A única certeza é que a situação do Português é cada vez mais delicada. Os problemas dos Blues são demasiados profundos para ser apenas uma fase passageira (são já mais de dois meses em péssimo rendimento) e o crédito do título da PL passada (obtido com uns meses finais de época a baixo nível - não esquecendo a eliminação da Champions em casa contra dez) não será eterno. A equipa perde-se num labirinto futebolística, concede muitas ocasiões de golo e no ataque está dependente de rasgos individuais. Neste cenário, se os jogadores deixam de acreditar, a situação pode ser irreversível.

O mau início de época do Chelsea tem feito surgir diversas notícias e rumores sobre a continuidade de José Mourinho no comando técnico dos Londrinos. Com efeito, os onze pontos somados em dez partidas, e a correspondente décima quinta posição na Premier League, estão longe de fazer jus às aspirações dos Blues, sendo que a situação na Champions League, com uma vitória em três desafios, também não é famosa. Ora, ecoam hoje em Inglaterra diversas notícias que dizem que a maior parte do plantel não considera que o técnico tenha capacidade para inverter a situação, vendo a sua saída como uma mera questão de tempo, acrescentando mesmo a ESPN que apenas Azpilicueta, Cahill, Diego Costa, Terry e Fàbregas apoiam o treinador a cem por cento, e que a sua saída inevitável. Roman Abramovich parece também já ter perdido a paciência com Mourinho, no entanto o elevado valor da indemnização que teria de ser paga em caso de despedimento é um forte entrave a que o mesmo suceda. Mas sobre o seu futuro, hoje um acionista do Mónaco garantiu ao jornal Sport que José Mourinho já foi contactado para poder assumir o cargo de treinador no clube do principado. "Na noite deste sábado houve os primeiros contactos com José Mourinho para que treine o Mónaco. Estamos numa fase muito preliminar, mas estamos convencidos que Mourinho pode treinar o Mónaco a curto prazo", declarou Alessandro Proto. Já o The Independent, adianta que a entourage do treinador colocou-se no terreno para aferir a possibilidade de o português assumir o comando técnico de Paris Saint-Germain ou Inter Milão, clube que orientou com assinalável sucesso desportivo entre 2008 e 2010.

Etiquetas: