"Verba paga por Martial foi ridícula"; Sherwood compara Ilori a Emre Can; Roche vence na Vuelta

Será esta a época da afirmação definitiva do jovem? Estas palavras parecem indicar que o seu novo técnico acredita muito no jogador, veremos é se esta aposta a médio se irá efectivar e como irá o ex-Sporting reagir.

Tim Sherwood, treinador do Aston Villa, teceu hoje rasgados elogios a Tiago Ilori, novo jogador do clube. "Ele é versátil, rápido, elegante e alto. Na minha opinião, é semelhante a Emre Can e pode mesmo jogar no meio-campo. Acho que vai ser um grande jogador no futuro.". No entanto, a condição física do Português não é ainda a melhor, pelo que terá de esperar "um par de semanas" por uma oportunidade. Finalmente, o técnico disse que o empréstimo tem uma opção de compra, condição essencial para que os Villans aceitassem o negócio, já que não querem "desenvolver elementos de outros clubes"

Deve um treinador admitir que o valor pago por um jogador é ridículo? E faz sentido pagar tanto dinheiro por um elemento a pensar "no próximo treinador" - Louis Van Gaal, treinador do Manchester United, considerou que o valor pago pelo clube para ter Martial foi é "ridículo, mas é o mundo louco em que vivemos", acrescentando que "eu não comprei Martial para mim, mas sim para o próximo treinador do clube" dando, em seguida, a entender que o futuro técnico dos Red Devils será Ryan Giggs.

Final bastante mexido, com Dumoulin a ser atacado, mas o líder da Vuelta voltou a mostrar-se forte e a não ceder. Destaque, novamente, para José Gonçalves, que terminou no pódio e é um dos homens mais combativos da prova - Vitória para Nicolas Roche na etapa de hoje na Vuelta. O Irlandês integrou a fuga do dia, isolando-se a cerca de 30 quilómetros da meta juntamente com Haimar Zubeldia, e batendo o Espanhol ao Sprint. José Gonçalves também integrou a fuga e chegou em terceiro a 18 segundos, antes do grupo dos favoritos que, apesar dos ataques de longe de Rodríguez ou Aru, que tentaram de longe surpreender Dumoulin, chegaram todos juntos.