"No Benfica só há seis portugueses e no FC Porto três ou quatro"

Um tema que já não é novo, mas que, devido à política dos "grandes", que este ano voltaram a contratar muitos jogadores, mas poucos portugueses, parece não passar de moda. As selecções jovens nacionais até têm conseguido excelentes resultados, mas com a política seguida pelos clubes Portugueses - acima de tudo pelos três grandes - é lhes difícil encontrar um espaço competitivo adequado à sua evolução, sendo que neste momento clubes como o Mónaco e Valencia dão mais espaço aos jogadores  lusos que os próprios conjuntos nacionais.

Chegou há pouco tempo, mas já se apercebeu da realidade do futebol Português. Raúl Jimenez, avançado Mexicano do Benfica, afirmou, em declarações ao "Universal", que em Portugal há pouca aposta nos jogadores Lusos, já que "no Benfica só há 6 portugueses e no FC Porto 3 ou 4". O ex-Atlético de Madrid, que marcou um golo no confronto entre a sua selecção e Trinidad e Tobago neste madrugada, estabeleceu um paralelismo com o seu país, no qual também considera que pouco se aposta nos atletas nacionais, sobretudo jovens, considerando que "se queremos pensar em grandes coisas a nível de seleção temos que dar mais oportunidades aos jovens mexicanos que estão a começar".