Juventus imita o Chelsea

Devia ser imposto um limite de activos por clube? Ou esta "política do eucalipto", tentando antecipar-se à concorrência para enfraquecer adversários e evitar que certos jogadores reforcem rivais, vai atingir números ainda mais absurdos (o Parma, que estava falido, tinha 80 jogadores sob contrato no último ano)?

De há uns anos para cá, o Chelsea vem sendo altamente criticado por ter jogadores espalhados um pouco por toda a Europa. Os blues têm estado muito activos na contratação de jovens talentos, mas depois são poucos os que têm oportunidades de jogar na equipa principal e acabam por andar de empréstimo em empréstimo. Os londrinos não são os únicos a adoptar essa política, pois a Juventus tem, neste momento, 47 (!) jogadores cedidos a outros clubes. É certo que, no caso dos italianos, a maioria são jogadores da formação ou de baixo custo, mas não deixa de ser um número impressionante. 

Etiquetas: ,