Holanda à beira do descalabro; República Checa garante apuramento; Gales ainda não; Noruega ultrapassa Croácia

Do terceiro lugar no Mundial a ter de esperar por deslizes alheios para se apurar para um Europeu em formato alargado em pouco mais de um ano. Incrível a situação Holandesa, que já não tem qualquer hipótese de qualificação directa e terá de rezar para que a Turquia perca pontos para chegar ao Playoff. República Checa já está em França, sendo que o Pais de Gales desperdiçou o primeiro "match point"mas também está quase no Euro. Já a Croácia, ao perder com a Noruega, corre o risco de ir ao Playoff.

Continua o pesadelo Holandês na fase de qualificação para o Europeu de França. A Laranja, depois da derrota frente à Islândia em Amsterdão, não podia ser derrotada no duelo contra a Turquia, sob pena de perder o terceiro lugar que dá acesso ao Playoff, mas a verdade é que a equipa de Danny Blind foi vergada por 3-0. O jogo começou praticamente com o golo dos homens da casa, quando, aos 8 minutos, Arda aproveita a descompensação Holandesa para isolar Ozyakup, que finalizou com classe para abrir o marcador. Os visitantes tentaram reagir (Narsingh teve uma bela oportunidade mas desperdiçou na cara do golo) mas a circulação, como em quase todo o jogo, era lenta, previsível e com pouca criatividade, sendo mesmo os homens de Terim a alargar a vantagem aos 26', quando Arda rouba a bola a Blind à entrada da área e remata, com Cillessen a ser mal batido. A Holanda foi forçando e metendo homens perto da área, mas sem nunca criar muito perigo (Depay pouco fez), sendo mesmo a Turquia que voltou a marcar, com Burak Yilmaz a estabelecer o resultado final num remate dentro da área. Com este resultado, a Holanda terá de esperar que os Turcos percam 3 pontos nos próximos 2 jogos (e ganhar as suas partidas), já que, apesar de estar somente a 2 pontos do seu rival de hoje, uma igualdade pontual beneficia a Turquia. No outro jogo do grupo A, a República Checa foi a Riga bater a Letónia e selar a qualificação para o Europeu. Aos 13 minutos, Limbersky, num forte remate, abriu o marcador, com Darida a aumentar a vantagem aos 25' (um golaço). Na segunda parte, aos 73', Zjuzins reduziu para os locais e fixou o 2-1 final. No grupo H, a Noruega bateu a Croácia por 2-0 e assumiu a liderança provisória do grupo (falta jogar Itália), relegando os Croatas para o terceiro lugar. Após uma primeira parte sem golos, Berget, após um bom trabalho, inaugurou o marcador aos 51', tendo o mesmo jogador bisado aos 69'. Já Malta e Azerbaijão empataram a 2. Finalmente, no grupo B, o País de Gales só precisava de vencer em casa Israel para carimbar o apuramento, mas a equipa de Bale não foi além do nulo.

Etiquetas: