quinta-feira, Maio 9

Faltam apenas quatro jornadas para o fim da Liga Espanhola e esta está mais entusiasmante do que nunca. Não pela decisão do campeão, uma história que já tem barbas de tão infrutiferamente debatida, mas por duas disputas sempre interessantes de se ver: a corrida ao ouro da Europa e a fuga ao latão da despromoção. 

Nesta última, estão envolvidas mais intimamente sete equipas, umas mais aflitas do que outras. O Osasuna recebe o Getafe, visita o Granada, recebe o Sevilha e depois, para cúmulo de todos os males, visita o Real Madrid. Prevê-se que conquiste um ponto. O Celta afunda-se cada vez mais, sendo que as visitas ao Bétis e Valladolid e a recepção ao Espanyol também não se afiguram nada fáceis. Três a quatro pontos. Quanto ao Maiorca, visita o Athletic, recebe o Bétis, enfrenta o Vicente Calderón e recebe o Valladolid. Um ponto. O Deportivo terá ainda de visitar o Valladolid, receber o Espanyol, visitar o Málaga e receber a Real Sociedad. Três a quatro pontos. O Saragoça visita o Levante, recebe o Athletic, visita o Bétis e recebe o Atlético. Dois a quatro pontos. Ao Granada, ainda lhe restam a Real Sociedad (fora), a recepção ao Osasuna, a visita ao Valência e a recepção ao Getafe. Dois a seis pontos. Assim, a previsão é que os infelizes contemplados com a descida serão Maiorca, Osasuna e Celta. Não obstante, apesar destas previsões e da esperança em que a equipa mais portuguesa da La Liga se mantenha no principal escalão espanhol (o contrário seria nefasto para o nosso futebol), Nélson Oliveira, André Santos, Pizzi, Bruno Gama, Sílvio e Zé Castro terão de correr muito para alcançarem o seu objectivo: a manutenção. Quanto à luta pelos milhões. A Real Sociedad, (Granada, Sevilha, RM e Depor) é a equipa mais bem colocada para ocupar a quarta vaga da LC, mas tem a competição do Valência (Rayo, Getafe, Granada, Sevilha) - tudo será decidido nos embates com Sevilha e Granada. O Valência pode ter duelos mais acessíveis, mas a Real, grande sensação da época 2012-13 tem dois pontos de vantagem, o que torna esta uma disputa empolgante e com final imprevisível. O Málaga (que a menos que haja uma alteração foi impedido pela UEFA de participar nas competições europeis) surge como outsider. Na LE, está confortável, mas tem de segurar pelo menos seis pontos dos doze possíveis. Quem não está tão seguro é o Bétis, mas os dois pontos de vantagem sobre os restantes e o facto de enfrentar três equipas na fuga da despromoção poderão ser uma vantagem frente a Getafe (Osasuna, Valência, Rayo e Granada), Sevilha (Málaga, R. Sociedad, Osasuna e Valência) e Rayo (Valência, Levante, Getafe e Athletic). O Espanyol, a seis pontos da Europa, é deixado de fora pelo facto de enfrentar Real e Barcelona. Quem irá à Champions: Real Sociedad ou Valência? Quem irá à Liga Europa? Poderemos ter três equipas madrilenas ou duas catalães nas competições europeias (ou Rayo e Espanyol já não têm hipótese)? Ou até duas equipas de Sevilha? Ou mesmo três andaluzes? E quem se irá salvar: Celta (previsão: 35), Osasuna (34) e Maiorca (30) são os sacrificados mais prováveis ou Deportivo (36), Granada (39) e Saragoça (40) poderão ainda falhar o objectivo da manutenção?

Visão do Leitor (perceba melhor como pode colaborar no VM aqui!): Inês Sampaio

Etiquetas:

12 comentários:

  1. Inês,

    Bom artigo, é sempre bom ver uma mulher colaborar no VM.

    ResponderEliminar
  2. Esperava muito mais do Valencia esta época e muito menos da Real Sociedad. Vai ser uma luta interessante, mas pelo calendário parece-me que o Valencia fica em 4º.

    Na parte da descida espero que o Deportivo e Saragoza se safem. Era essencial para o futebol português, já que são 2 clubes que por norma apostam na nossa Liga e como somos clubes vendedores é sempre importante ter habituais compradores na I Liga.

    ResponderEliminar
  3. Este deve ter sido o ano que acompanhei menos a La Liga, talvez por ter ficado decidida demasiado cedo.

    Alguém me pode explicar como é que a Real Sociedad está em 4º? Que jogadores se tem destacado?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É uma equipa que pratica um futebol bastante atractivo, com a vantagem de grande parte dos jogadores terem transitado da época passada, tanto que o onze base se manteve praticamente igual. No ataque, o trio composto por Vela, Agirretxe e Griezmann tem sido fundamental(juntos somam 32 golos). O eterno capitão Xabi Prieto está, como sempre, a fazer uma boa época, num meio-campo que conta também com a qualidade de Asier. Na defesa, destaque para o jovem Inigo Martinez, central com enorme potencial que pode chegar a titular da selecção espanhola.

      Eliminar
  4. Gostava que o Deportivo se aguentasse entre os grandes do futebol espanhol. Estava com bastante esperanças de uma boa campanha no inicio de época, mas desiludiu um pouco. De qualquer maneira, assegurando a manutenção, dava um sinal mais ou menos positivo da qualidade dos jogadores (e bastante jovens) portugueses.

    João Malaquias

    ResponderEliminar
  5. Grande recuperação do Depor, espero que fiquem!

    ResponderEliminar
  6. A seguir aos colchoneros, o Deportivo foi sempre o clube que mais me cativou no país vizinho, como tal espero que se safem. Já fizeram quase o impossível ao passar a linha de agua à qual regressaram mas têm chances muito boas de se manterem. Esperemos que si.

    Bom artigo.

    ResponderEliminar
  7. Contente por ver este artigo da Inês. É sempre bom ter variedade.
    A minha previsão é que a Real vai ao playoff da Champions, Valência, Bétis e outra (demasiado imprevisivel) às eliminatórias da liga europa e Mallorca, Celta e Osasuna descem.

    ResponderEliminar
  8. Saudo a presença de uma mulher no VM, algo sempre agradavel.

    Relativamente ao artigo, concordo com as previsoes, embora o Deportivo tenha de lutar bastante para fugir a despromoçao. Os galegos tem crescido nos ultimos tempos e a sua recuperaçao tem sido bastante boa, mas a verdade e que o Deportivo tera ainda que batalhar para se manter na 1ª Divisao espanhola.

    Ja o ultimo lugar de acesso a Champions acredito que o Valencia acabara por levar vantagem, enquanto que na Europa Betis e Sevilha sao as minhas apostas.

    ResponderEliminar
  9. Muito bom artigo e quando se chega ao fim e se repara que foi escrito por "Inês".

    Parabens á Ines e ao VM por ter tido a colaboraçao de uma rapariga

    ResponderEliminar
  10. Realmente nao acompanhei bem a liga, dado que nem reparei na Real Sociedad. Outro facto interessante e que so agora reparei que o Real esta "so" a 8 pontos do Barca.

    Tendo em conta as dificuldades do Barca em ganhar os ultimos jogos, teria sido interessante ver o que seria se o Real nao se tivesse espalhado no inicio da temporada.

    Gostava de ver o Deportivo ficar mais um ano, mas a ver vamos.

    ResponderEliminar
  11. Espero que o Depor permaneça , foi uma recuperação muito boa nos ultimos jogos, quando todos pensavamos que a descida era inevitavel e que não iriam conseguir contornar o mau futebol que praticava eis que a armada portuguesa (sempre com influencia direta nos resultados) aparece e tenta salvar o Depor da descida.

    ResponderEliminar

Depois do 25 de Abril de 1974, Portugal "descobriu" a liberdade de expressão, portanto expressem-se à vontade! No entanto, os comentários a insultar, serão apagados pelo lápis azul!!

COMENTÁRIOS DE ANÓNIMOS, OFENSIVOS OU INCENDIÁRIOS SERÃO AUTOMATICAMENTE REJEITADOS